quarta-feira, setembro 30, 2009

Contas impagáveis


São vááááárias contas que eu não tenho como pagar... estava começando a me equilibrar quando fui sumariamente demitida, e ainda me deixaram um mês sem receber. O grande-buraco-negro só fez aumentar... agora tô com o cu na mão e todos os telemarketing de cobrança do mundo ligam pra mim, de hora em hora, com a mesma ladainha:
"A senhora não pode estar pagando o mínimo para estar evitando que seu nome esteja sendo encaminhando à cobrança"?
"Se eu tivesse de onde tirar o mínimo, eu pagaria só pra vocês largarem do meu pé."
"E a senhora não tem alguém que possa estar lhe ajudando"?
"Ah, querida, tudo o que eu mais queria na vida era alguém de bom coração que me sustentasse".
E a mocinha ainda se acha no direito de ficar irritada no outro lado da linha. Pode?
Eu QUERO pagar, mas não tenho COMO!
Quer saber? FUCK OFF!
Nem a Providência Divina me ajuda... já rezei pra tudo quanto é santo e nem religiosa eu sou! Vou apelar pro Capetinha da garrafa da novela das seis.

Um comentário:

Larissa Bohnenberger disse...

MORRAM atendentes de telemarketing... que mania de achar que a gente não paga as contas porque não tá muito afim!

Esse seria um bom momento para receber os cheques divinos, aqueles, né tchica?

Não há de ser nada. Tudo acaba se resolvendo...

Bjs!