segunda-feira, agosto 07, 2006

Um passinho a frente, por favor!



Às vezes me sinto como um ônibus da Linha T da Carris.
Circulo pela cidade. Vou de Norte a Sul, atravessando a Ipiranga.
De Leste a Oeste, cortando a protásio.
Mas, começo e termino o dia sempre no mesmo ponto.
Continuo dando voltas. Sem sair do lugar.

Um comentário:

Tita Aragón disse...

Então eu sou outro ônibus da linha T... com gente se esprmendo, saindo pela janela, e o cobrador gritando em doses homeopáticas, que tem lugar no meio do carro...